segunda-feira, 31 de agosto de 2015

CHÁ DE HIBISCO: Benefícios muito além do emagrecimento!

A bebida que combate a gordura da barriga e quadris, controla os níveis de colesterol e pressão arterial e ainda tem ação diurética é, sem dúvida nenhuma, o novo Hit do Inverno para emagrecer! Mas, afinal, os benefícios do Chá de Hibisco são somente relacionados ao efeito de emagrecimento?

O wikipedia explica que O hibisco usado no chá é o hibiscus sabdariffa e é diferente da flor ornamental hibisco rosa-sinensis, comumente encontrada nos nossos jardins. Essa planta é originária da Ásia e da África.

Eu, particularmente, descobri o Chá de Hibisco através da minha vizinha e decidi preparar e reforçar minha dieta rica em nutrientes e minha rotina de exercícios utilizando ele como um antioxidante e para aliviar o inchaço. E, o resultado foi que, olhando para a xícara servida com o líquido cor avermelhado lindo, já senti muita vontade de experimentar!

O Chá de Hibisco, por se rico em vitamina C, ajuda o sistema imunológico a se fortalecer e pode ser utilizado na prevenção de gripes e resfriados. Por sua ação antioxidante, ajuda a combater as células cancerígenas e seu consumo diário reduz os níveis de colesterol e as taxas de glicose no sangue. Ele também ajuda a fortalecer os ossos, além de ser fonte de aminoácido e atuar positivamente nos casos de constipação e na prevenção de doenças cardiovasculares. Entre os vários benefícios que o chá apresenta, podem-se destacar os seguintes:

- Age como antioxidante

- Reduz as taxas de lipídeos 

- Reduz a glicose no sangue

- Ajuda a normalizar a pressão arterial e 

- É diurético

- Ajuda nas constipações intestinais

- Retarda o envelhecimento da pele

- Diminui a formação de colesterol

Como eu consumo: Preparo 2 xícaras todos os dias no período da tarde - substituindo o café preto. Porém, reforço que ele não substitui os 2 litros de água indicados a beber todos os dias! Bebo 2 litros de água por dia + 2 xícaras de Chá de Hibisco (quando tomaria café, por exemplo). Modo de preparo: Coloco uma colher de chá (2 ou 3 daquelas florezinhas secas) em uma xícara de água fervente e deixo ferver por 3 minutos. Em seguida deixo em infusão por 5 minutos

Observação: Evite reaquecer o chá depois de pronto afim de evitar que ele perca as propriedades! 

Abaixo, deixo uma tabela comparativa entre o Chá de Hibisco, o Chá Preto e o Chá Mate para comprovar tudo que estou citando acima. Entre os 3, veja que o Chá de Hibisco possui maiores quantidades de: Proteínas, Ferro, Vitamina C, Vitamina B1, Vitamina B2 e Vitamina A. 

A dica do VIVACLUB é: Incorpore a cultura do Chá de Hibisco no seu dia a dia! Ele tem uma aparência muito agradável, um sabor marcante mas não forte, um cheirinho que deixa a cozinha toda aromatizada e traz muitos benefícios para sua saúde! 



www.espacosanavita.com.br

Autora: Jorgete Rain

Dicas para desestressar - Dica 5

Com o céu lindo e azul, fica fácil imaginar com as nuvens.

Parece coisa de criança, mas este é um excelente exercício para relaxar e ativar o cérebro.

Uma mente criativa é capaz de muitas coisas boas.

Tente! Invente! Faça algo diferente!

Boa semana!


‪#‎vivaclub‬ ‪#‎51dicasparadesetressar‬ ‪#‎imaginecomasnuvens‬ ‪#‎façaalgodiferente‬

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Encontro de Convívio e Lazer - TEATRO

O filme Elza & Fred foi um sucesso estrondoso nos cinemas e continua emocionando pessoas de todas as idades mundo afora. Agora, ganha os palcos brasileiros com texto teatral adaptado pelos próprios autores do roteiro original.

Uma divertida e encantadora peça sobre um idoso que após ficar viúvo, descobre que ainda há muitas coisas a serem vividas.

51 dicas para desestressar - Dica 4

Todo dia é dia de aprender algo novo!




TREINAMENTO FUNCIONAL: Por que investir nessa nova atividade que veio para ficar!

Uma das atividades físicas mais dinâmicas realizadas atualmente em academias, o Treinamento Funcional se destaca por ser uma atividade extremamente atrativa para pessoas acima de 60 anos. Em um formato diferente, onde cada treino é distinto do outro, ele exercita o corpo inteiro utilizando movimentos que imitam os realizados diariamente em casa - por exemplo. Quanto maior a semelhança dos exercícios com as funções exercidas no dia a dia, maiores são os ganhos!

Atualmente, através dos muitos estudos publicados, sabe-se que o Treinamento Funcional trabalha principalmente: força muscular, flexibilidade, sistema cardiorrespiratório, coordenação motora e equilíbrio. Todos os exercícios são realizados com o peso do próprio corpo. E, à medida que a pessoa vai evoluindo, aumentam-se os desafios, complementando-os com acessórios, tais como: bosu, minitrampolim, medicine ball, kettlebell, bola suíça e plataformas de equilíbrio – entre outros.

Quanto mais os anos passam, mais o nosso corpo perde massa muscular, flexibilidade, força, equilíbrio e massa óssea e, com tudo, ele também aumenta a gordura corporal. O Treinamento Funcional, além de retardar o envelhecimento do nosso corpo através do exercício, é diferente porque permite que o corpo acione cada músculo e articulação de maneira global! Ele também implica em uma maior complexidade do movimento e envolvimento de várias capacidades físicas. Por isso, além de todos os benefícios físicos, ele ainda ajuda na manutenção e na melhora da memória - já que pela repetição e dificuldade na realização dos movimentos, trabalha-se a concentração, a atenção, o raciocínio e o aprendizado motor. E mais, meche com a motivação e o aumento da autoestima de quem o pratica! 

Tá esperando o quê para vir ao VIVACLUB e experimentar a primeira aula?

Por que os 60 anos de agora não são mais como nos anos 60!

Autora: Jorgete Rain


sexta-feira, 21 de agosto de 2015

TURISMO NA TERCEIRA IDADE

32,9% dos Idosos Brasileiros viajam duas a três vezes ao Ano![1]

Dados retirados da pesquisa sobre “Hábitos de Turismo na Terceira Idade”, realizada em 2012 pela Fundação Instituto de Administração (FIA), dizem que os números sobre a Terceira Idade e o Turismo refletem o processo de distribuição de renda que o Brasil viveu desde 1994 – com a implantação do Plano Real. Essa explicação vem do professor Claudio Felisoni de Angelo da FIA: “Quando aumenta a renda, aumenta também a qualidade de vida. Atualmente, as pessoas podem pensar em disfrutar também na maturidade”.

Segundo o relatório Envelhecendo em um Brasil Mais Velho, do Banco Mundial, até 2050 os idosos passarão a totalizar 49% da população economicamente ativa no país. A mesma pesquisa aponta que 70% dos idosos se julgam independentes financeiramente - o dobro de três décadas atrás. A independência e a estabilidade financeira fazem com que a terceira idade seja a melhor para viajar!

Para a maior operadora de Pacotes Turísticos do País, a CVC, esses viajantes são extremamente vantajosos. Por serem organizados, eles fecham a compra com bastante antecedência e geralmente pagam pelo Pacote antes da data da Viagem. Também segundo dados da Operadora, esse público tem o hábito de viajar pelo menos uma vez ao ano, e já está se acostumado a inserir anualmente o produto 'viagem' em sua cesta de consumo!

Para melhor visualizar sobre os hábitos de consumo da Terceira Idade no Brasil, segue a figura abaixo:

Fonte: Site da FIA (Provar).
Quem ainda está preso ao estereótipo do velhinho com bengala, saiba que atualmente a bengala existe, mas para impulsioná-lo para frente e em busca de novos desafios! A CVC garante que os idosos preferem viagens mais agitadas e para localidades que ofereçam atrações tanto durante o dia quanto à noite. Entre os destinos mais procurados nesta operadora estão:

1. Cruzeiros pelo litoral brasileiro; 
2. Nordeste (principalmente Porto Seguro e Fortaleza); 

3. Serra Gaúcha; 

4. Cidades históricas em Minas Gerais. 

Internacionalmente, a Europa é a região mais disputada. Seguindo também pelos os Estados Unidos e os países da América do Sul.
Fonte: Figuras do Google.

Nós, do VIVACLUB, incentivamos o Hábito da Viagem. Promovemos 3 passeios por Semestre, cada um com a duração de 1 dia e repletos de atividades para ninguém ficar parado (só vale sentar e descansar no ônibus de viagem)! Em seguida estaremos divulgando nosso próximo destino no Facebook e aqui no Blog.

Os principais benefícios para as pessoas que viajam são: “Mudança de ambiente, repouso, recreação, aquisição e troca de conhecimentos” (Vaz, 1999, p. 42). Lembramos que toda e qualquer atividade de lazer melhora a saúde em vários aspectos, tais como:

· Físico: Propicia o fortalecimento do sistema imunológico e uma melhora da mobilidade, flexibilidade, equilíbrio corporal e força muscular.

· Mental: Melhora a memória, o raciocínio e a velocidade do Funcionamento e do metabolismo cerebral como um todo.

· Emocional: Diminui a tendência ao isolamento e à depressão através de uma melhora nos relacionamentos interpessoais e a possibilidade de formação de uma rede social e de amigos.

PORQUE OS 60 ANOS DE HOJE NÃO SÃO COMO NOS ANOS 60!

Autora: Jorgete Rain

[1] CARTOLA - AGÊNCIA DE CONTEÚDO (2013). Disponível em: . Acesso em: 18 ago. 2015.


APROVEITAMOS O EXCELENTE TEXTO, PARA TE CONVIDAR A PARTICIPAR DO NOSSO PRÓXIMO PASSEIO: 

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

VITAMINA D: Onde conseguir e Qual a sua Importância?

Matéria do Programa Fantástico[1] deste último domingo, 16 de Agosto, a Vitamina D já é matéria corriqueira quando o assunto é “Reposição Vitamínica”.

Na figura ilustrativa abaixo, o Médico Reumatologista Cristiano Zerbini[2] relata de maneira muito sucinta onde conseguir a Vitamina D, quais os benefícios da Vitamina D e os sintomas da falta da Vitamina D no organismo.


Além de ajudar a prender o cálcio no organismo e prevenir a Osteoporose, a Vitamina D tem uma grande lista de benefícios. Listamos alguns deles aqui para vocês:

Protege o coração: A vitamina D participa do controle das contrações do músculo cardíaco, necessárias para bombear o sangue para o corpo. Ela também influencia na produção de um hormônio regulador da pressão arterial: a renina. Em pesquisa feita pelo Harvard School of Public Health observou-se que os homens com deficiência de Vitamina D no organismo possuíam duas vezes mais chances de sofrer um ataque cardíaco. 


Boa para os músculos: A vitamina D contribui para a força muscular, portanto, sua ausência aumenta o risco de quedas e fraturas. A Universidade de Zurique, em pesquisa, atribuiu que o consumo de vitamina D pode diminuir o risco de quedas em 19% em pessoas acima de 65 anos. 

Fortalece os ossos: A vitamina D é necessária para a absorção do cálcio pelos ossos. Pesquisa realizada pela Universidade de Zurique em pessoas acima dos 65 anos observou que a suplementação de vitamina D reduz em 20% o risco de fraturas no quadril. 


Tratamento de doenças autoimunes: A Vitamina D é um “imunoreguloador” e o tratamento de doenças autoimunes com esta vitamina é algo já reconhecido por muitos grupos médicos. As doenças autoimunes tratadas com altas doses desta vitamina são: esclerose múltipla e artrite reumatoide. Em um estudo recente publicado no Journal of The American Medical Association, constatou-se que o consumo de suplementos de vitamina D está associado ao menor risco de esclerose múltipla. 




Previne e ajuda no tratamento do câncer: A Vitamina D participa do processo de diferenciação celular, que mantém cada célula como ela é. Mantém as células cardíacas como células cardíacas, as da pele como da pele, etc. Desta maneira, ela evita que as células se tornem cancerígenas. De acordo com o National Cancer Institute, há diversos estudos que apontam que a vitamina D é uma aliada no tratamento do câncer, especialmente do colo retal, de próstata e do seio e a sua falta favorece o aparecimento de mais de 17 tipos de câncer. 


Previne gripe e resfriado: A Vitamina D previne contra doenças respiratórios, gripes e resfriados. Adultos com menores quantidades de vitamina D contraem mais resfriados e problemas no trato respiratório. 


Agora, engana-se quem acredita que a Vitamina D é conseguida somente pela exposição Solar ou em forma de cápsulas ministradas pelos médicos. Em menor quantidade, cerca de 10% conforme o Doutor Cristiano, ela está em vários alimentos de origem animal – conforme figura abaixo:




Fonte: Site Saúde dica.

O VIVACLUB adverte: Não tome suplementos vitamínicos sem prescrição médica e, sem que o seu Médico tenha pedido exames de sangue que comprovem a necessidade dessa suplementação!

Atividades ao ar livre devem ser SEMPRE realizadas com PROTEÇÃO SOLAR. 


[1] Programa exibido pela Rede Globo de Televisão semanalmente aos domingos a partir das 21 horas (horário de Brasília).
[2] Site para encontrar mais informações sobre o Reumatologista e seus estudos
.


Autora: Jorgete Rain

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

5 Filmes que retratam de maneira sensível e agradável o amor na terceira idade!

Nos últimos 10 anos o cinema apostou em filmes que retratam o amor e as relações amorosas de pessoas acima dos 60 anos. Coincidência ou não, o crescimento da população de idosos, em números absolutos e relativos, é um fenômeno mundial!

Em 1950 eram cerca de 204 milhões de idosos no mundo e, em 1998, esse número ultrapassava 579 milhões de pessoas - um crescimento de quase 8 milhões por ano.

“Seria a arte imitando a vida, ou a vida imitando a arte? ” Bom, perguntas difíceis a parte, o que importa é que vamos postar nossa lista com 5 películas espetaculares para vocês se inspirarem, pegarem a pipoca e o guaraná, afofarem o sofá e se deleitarem com lindas histórias, emocionantes atuações e brilhantes atores! 

1º FILME – ELSA & FRED


Elsa & Fred, de 2014, é um remake baseado no filme argentino Elsa & Fred – Um Amor de Paixão e fala sobre uma história de amor e transformação. Elsa (Shirley MacLaine), com 75 anos, é divertida, alegre e sonhadora, enquanto seu novo vizinho Fred (Christopher Plummer), aos 80 anos, é rabugento e de mal com a vida. Elsa, que tem o dom de driblar a sisudez das pessoas que a rodeiam, começa a se aproximar de Fred e tenta arrancá-lo do marasmo diário, convencendo-o de que nunca é tarde para sorrir, amar e viver!

2º FILME – UM AMOR DE VIZINHA

Na comédia romântica Um Amor de Vizinha, o corretor de imóveis Oren Little (Michael Douglas) recebe a visita do filho, um ex-viciado, que vai cumprir uma pena de prisão e deixa sua filha pequena, Sarah (Sterling Jerins), com o avô. Sem nenhum jeito para cuidar da netinha, Oren pede ajuda à vizinha Leah (Diane Keaton), uma viúva e cantora de um pequeno restaurante. Mais do que ajudar o corretor a cuidar de Sarah, Leah ensina a Oren que ainda há tempo para amar e buscar a felicidade.

3º FILME - AMOUR

O filme francês Amor (Amour), direção de Michael Haneke, conta a história de Anne (Emmanuelle Riva) e Georges (Jean-Louis Trintignant), casados há bastante tempo e cujas vidas mudam quando Anne é submetida a uma cirurgia no coração malsucedida, que a deixa paralisada de um lado do corpo. O amor do casal é colocado à prova com o problema de Anne, e a realidade de dificuldades e superações adentra o filme com toda força. Amor foi premiado com o Oscar de melhor filme estrangeiro de 2012.

4º FILME – ALGUÉM TEM QUE CEDER 


(Sim! Desculpem os que esperavam por filmes mais atuais, eu sei que esse é de 2003. Mas esse, para mim, foi o precursor do gênero Amor na Terceira Idade. E, como deixar esses dois gigantes do Jack Nicholson e da Diane Keaton fora de nossa lista? Impossível! É um filme leve, uma comédia romântica sobre descobertas. Pronto, defendi nossa escolha. Ele fica! rsrsrsrs).

Harry Sanborn (Jack Nicholson) é um executivo que trabalha no ramo da música e que namora Marin (Amanda Peet), que tem idade para ser sua filha. Harry e Marin decidem ir até a casa de praia da mãe dela, Erica (Diane Keaton), para visitá-la. Lá Harry sofre uma parada cardíaca, ficando sob os cuidados de Erica e de Julian (Keanu Reeves), um jovem médico local. Aos poucos Harry percebe que está se interessando cada vez mais por Erica, mas tenta esconder seus sentimentos. Julian também sente atração por ela, tornando-se um rival de Harry.

5º FILME – SIMPLESMENTE COMPLICADO


(Outro que não é tão “atual”, ele é de 2009 na verdade. Porém, só de ter a Meryl Streep como atriz principal já vale a pena sentar de novo na sala, puxar o cobertor, pegar o balde da pipoca e dar boas risadas, não é mesmo?).

Jane (Meryl Streep) é uma mãe de três filhos que tem uma relação amigável com o seu ex-marido, Jake (Alec Baldwin), após dez anos da separação. A convivência entre eles acaba se tornando um romance, sendo que Jake, no momento, está comprometido com uma moça. Agora, Jane vive um dilema, já que se tornou a amante de seu antigo marido.

“O cinema é um modo divino de contar a vida”. (Federico Fellini)

Então, depois dessa pequena lista, contem para nós quais que na opinião de vocês faltaram ou qual que vocês não incluiriam jamais!

Lembrando sempre que: após 112 minutos sentados na frente da TV mexendo somente os músculos do rosto com risadas e choros, é importante levantar e vir ao VIVACLUB fazer exercícios que mexam o corpo inteiro!

Testo de Jorgete Rain
Imagens: Google.

Dica do VIVACLUB: O filme Elsa & Fred virou peça de Teatro com os atores Ana Rosa e Umberto Magnani. Está em cartaz no Theatro São Pedro em Porto Alegre nos dias 28, 29 e 30 de agosto.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

A IMPORTÂNCIA DO GRUPO NA TERCEIRA IDADE – Construir uma vida social intensa na Terceira Idade aumenta a qualidade de vida e a longevidade


Manter um convívio social ativo está longe de ter benefícios somente emocionais. Sentir-se parte de um grupo, conectar-se com mais pessoas e aproveitar as relações sociais promovem, além de momentos de interação e alegria, o bem-estar mental na velhice.

Pessoas acima dos 60 anos que mantém um círculo de amizades, ou integram um grupo que provê um objetivo em comum, sentem menos efeitos negativos na capacidade cognitiva geral e, dessa maneira, se mantém longe da ansiedade e da depressão.

Estudos revelam que pessoas que estão em contato umas com as outras estão mais inclinadas a terem hábitos saudáveis – se alimentam melhor e se exercitam com maior frequência. Também está provado que cada ajuda dada ou recebida contribui para o aumento de um sentido de controle pessoal, propiciando o aumento da autoconfiança e da autoestima. (Associação Brasileira de Gerontologia)

Entretanto, vale ressaltar que mais do que a quantidade de relações humanas mantidas durante o período da velhice, o mais importante para a saúde e sanidade é a qualidade dessas interações. Quanto mais positivos forem esses encontros, mais benefícios farão para todo o sistema nervoso.

Encontros que propiciam atividades físicas, tarefas que reforçam a união do grupo e o senso de trabalho em equipe são os que apresentam maiores benefícios para a saúde mental e física.

Então, antes de pensar em ficar em casa tendo como único amigo o bichinho de estimação ou a programação da TV, lembre-se que conversar, interagir, exercitar-se e trocar experiências é um remédio divertido e benéfico para a sua saúde!

Aqui, no VivaClub, pensamos e elaboramos cada atividade para propiciar a maior quantidade de interações positivas possíveis!

VIR AO VIVACLUB DEIXA CORPO E MENTE MAIS ATIVOS E SAUDÁVEIS!

Artigo: Jorgete Rain
Imagens: Google.

Por que os 60 anos de agora não são mais como nos anos 60

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

51 dicas para desestressar - Dica 1

Navegando por aí, encontramos 51 dicas para desestressar. 
Já sabemos de muitas delas, mas sempre é bom lembrar, por isso, toda segunda-feira, vamos compartilhar com vocês!

Para começar: ESCUTE MÚSICA!

Além de relaxante, a música pode trazer diversos benefícios para a saúde, como alívio de dores, melhora da memória e até mesmo um estímulo para a prática de atividade física.
Sendo assim: