quinta-feira, 21 de setembro de 2017

INFLAMAÇÃO NO NERVO CIÁTICO

A inflamação do nervo ciático trata-se de uma neuralgia causada pela irritação do nervo ciático. O nervo ciático inflamado causa dor na parte inferior da coluna, na parte traseira da coxa e no quadril, na panturrilha, e até mesmo na sola e nos dedos dos pés.

As principais causas que deixam o nervo ciático inflamado são pressão ou dano ao nervo ciático, causando a dor. A hérnia de disco comprime os nervos que saem da medula espinhal, e se o nervo ciático inflama com esta compressão, a pessoa sente uma dor ao longo do nervo.

Outras causas do nervo ciático inflamado são a má postura e o sedentarismo; gravidez e obesidade, que pressionam a coluna vertebral; tumor próximo ao nervo ciático, como o neurinoma; estenose do canal lombar, com o estreitamento do canal vertebral; síndrome do piriforme; traumas e golpes fortes, que podem danificar os nervos. Quando fraturada, a vértebra pode liberar fragmentos que comprimem os nervos, causando dor.

SINTOMAS

O sintoma do nervo ciático inflamado mais frequente é a lombalgia, dor que ocorre na coluna, e dor nas pernas, ao longo do nervo. Entretanto, a dor nem sempre acontece ao longo do nervo, podendo alguns indivíduos sentirem dor nos glúteos ou na parte externa da panturrilha. Geralmente a dor é intermitente, mas os casos graves apresentam dor constante. Quando danificado de forma grave, o nervo causa dor na coluna de forma muito forte, debilitando a pessoa. Felizmente, são raros os casos em que a danificação no nervo ciático é para sempre. Geralmente o nervo ciático inflamado causa dor na pena quando a pessoa permanece sentada, parada ou em pé por 10 minutos ou mais. Ficar deitado na cama ou caminhar ajuda a aliviar os sintomas.

Os sintomas mais comuns da compressão nervosa são formigamentos no pé; perda de força; perda de sensibilidade; reflexos tendinosos reduzidos; queimação; limitação dos movimentos. Os casos mais graves apresentam dor nas pernas e até mesmo incontinências fecal e urinária. Nestes casos, a cirurgia pode ser aconselhada pelo neurocirurgião. Apesar de algumas pessoas acreditaram que um dos sintomas da dor ciática é a febre, isto não é um fato comprovado cientificamente.

DIAGNÓSTICO

A avaliação dos sintomas, bem como o histórico clínico ou médico, ou ainda anamnese, são os passos iniciais do diagnóstico. Certos casos necessitam de exames, como a ressonância magnética, a radiografia e a eletromiografia.

TRATAMENTO

Exercícios leves e fisioterapia contribuem para a cura da inflamação do nervo ciático, sendo a cirurgia indicada somente em último caso. O sedentarismo pode causar o enfraquecimento dos músculos, piorando o caso, já que os músculos lombares e abdominais ajudam a proteger as articulações da coluna vertebral. Portanto, exercícios que reforcem os músculos são indicados para a prevenção e cura do nervo ciático inflamado. O pilates e alongamento também contribui para o treinamento muscular com as suas posturas, proporcionando maior espaçamento entre as vértebras.

Texto do site: https://www.opas.org.br/nervo-ciatico-inflamado/

Agende uma avaliação com um dos nossos Fisioterapeutas ou Professores de Educação Física.

A atividade física regular, auxilia o tratamento das dores e lesões. Junte-se a nós e pratique atividades na medida certa para você!!!


Ligue para o VIVACLUB e se informe dos horários e valores. 

#vivaclub #vivaclubpoa #pilates #alongamento #academiadeterceiraidade 



Postar um comentário