sábado, 19 de setembro de 2015

PORTO ALEGRE EM CENA: ÚLTIMOS DIAS PARA APROVEITAR!

Luciano Alabarse é o Coordenador Geral desse evento que começou há exatos 22 anos em Porto Alegre. Dúvidas e certezas, competência, ousadia e fôlego fizeram parte da história desse evento desde o seu início. Porto Alegre ansiava e merecia um evento desta qualidade para se conectar com o melhor dos palcos do Mundo.

Mesmo contando com inúmeros espetáculos internacionais, um dos nomes mais consagrados é daqui mesmo: Adriana Calcanhoto – presente desde a primeira edição do evento. E ela é somente uma estrela na constelação de tantos outros grandes artistas que vieram à nossa cidade nos presentear com inesquecíveis e inebriantes apresentações. Muitos talentos que mudaram para melhor o gosto pela arte do público local e protagonizaram cenas de beleza indiscutível, conteúdo provocador e momentos únicos de cultura.

Este ano, não é diferente, desde o dia 03 até o dia 21 de Setembro teremos mais de 80 apresentações diferentes em menos de 20 dias. E, mesmo estando há poucos dias do final, ainda dá tempo de aproveitar!

· Um dos destaques para esta sexta-feira, 18, é o Espetáculo Bundaflor, bundamor - Inspirado na obra do historiador francês Jean Luc Henning, A breve história das nádegas, o espetáculo da Eduardo Severino Companhia de Dança propõe um olhar diferenciado e bem-humorado a essa parte do corpo humano, atentando para a sua constituição, desenho e as possibilidades motoras. Aproveitando o contexto atual e de forma simbólica, a montagem aborda a banalização da famigerada bunda brasileira, formada graças à herança genética africana, como massa carnal rebolante capaz de mostrar a alegria mestiça em inúmeras manifestações originais.

Sala Álvaro Moreyra (Av. Erico Veríssimo, 307 - Azenha, Porto Alegre)

Datas: 18 e 19

Horário:18h

Ingresso: R$ 30 - R$ 15 (promocional)

· Hoje tem espetáculo - Primeiro trabalho do grupo paulista Rosa dos Ventos, a peça foi criada a partir dos clássicos de palhaços, números e piadas que são vistas desde os primórdios do circo. São adaptações livres criadas pelo grupo que trazem como marca seus palhaços verborrágicos, verdadeiros em suas relações, improvisadores e que provocam a participação da plateia, num jogo que envolve o público antes mesmo do espetáculo começar, ao ar livre. O público é convidado a entrar no picadeiro e, em diferentes momentos, torna-se personagem principal da roda.

Emef Afonso Guerreiro Lima (rua Guaíba 203 - Lomba do Pinheiro)

Data: 18

Horário:19h

Entrada franca

· Ricardo III - A adaptação de Ricardo III, de William Shakespeare, feita pelo ator Gustavo Gasparani e pelo diretor Sergio Módena, oferece um novo ponto de vista sobre esse clássico da dramaturgia mundial. Nela o ator interpreta, 21 personagens dos 54 que aparecem no texto original. Encenada pela primeira vez entre 1592 e 1593, com enorme sucesso, a peça se passa no final da Guerra das Rosas (1455-1485), conflito sucessório pelo trono da Inglaterra que coloca em choque político os dois ramos da dinastia Plantageneta: a Casa Real de York e a Casa Real de Lancaster.

Teatro Bruno Kiefer (rua dos Andradas, 736 - Centro, Porto Alegre)

Data: 18 de setembro

Horário: 18h

Ingressos: R$ 60 - R$ 40 (promocional)



· Língua mãe – Mameloschn - A montagem, inédita no país, parte do irreverente texto homônimo da jovem autora alemã Marianna Salzmann, aborda questões como identidade, ideologia e pertencimento, sob as luzes de um jogo oscilante, que ora aproxima, ora distancia as personagens, através de diálogos de uma tradicional família judia. Humor e drama permeiam a montagem de maneira sutil, enquanto as formas de comunicação - como cartas, mensagens e e-mails - paradoxalmente, revelam a carga de incomunicabilidade entre as personagens, materializando o lapso existente entre discurso social e motivações pessoais de cada um.

Goethe Institut – Auditório (rua Vinte e Quatro de Outubro, 112)

Datas: 18

Horário: 20h

Ingressos: R$ 30 - R$ 15 (promocional)



· Meu Amor me Agarra & Geme & Trema & Chora & Mata - A porto-alegrense Muni estreia este espetáculo no festival, celebrando canções de seu repertório construído nos seus 30 anos de carreira, com variadas vertentes e ritmos como MPB, rock, samba, blues, milonga, tango e fado. No repertório, estão as canções Por um dia (de Nei Lisboa), No decorrer da madrugada (de Luiz Tatit), Luz do Tango (de Geraldo Carneiro e Astor Piazzola), entre tantas outras.

Teatro Renascença (av. Erico Veríssimo - Azenha)

Data: 18

rário: 20h

Ingresso: R$ 40 - R$ 20 (promocional)

· Rei Lear - A montagem dirigida por Moacir Chaves - diretor com mais de 25 anos de carreira e 40 espetáculos no currículo - para a obra-prima trágica de William Shakespeare é encenada com apenas três atrizes, Paula de Renor, Sandra Possani e Bruna Castiel, vivendo dezenas de personagens. A trilha sonora executada ao vivo marca um encontro entre a música eletrônica e a música popular nesta trama que discorre sobre o monarca da Bretanha que, ao chegar à velhice, vê-se obrigado a dividir o reino entre as três filhas para garantir a sua sucessão.

Teatro CHC Santa Casa (Av. Independência, 75)

Datas: 18 e 19

Horário: 21h

Ingresso: R$ 60 - R$ 30 (promocional)

· Espetáculo Krum - Articulado em torno de questões existenciais, o espetáculo apresenta o reencontro do recém-chegado Krum com os curiosos habitantes de seu mundo: sua mãe, seus amigos, a antiga namorada e os vizinhos. Breves episódios de suas vidas desenrolam-se diante dos espectadores, que são instados a identificar-se com a perspectiva distanciada e irônica de Krum.

Theatro São Pedro (Praça Mal. Deodoro, S/N - Centro Histórico, Porto Alegre)

Datas: 18, 19 e 20

Horário: 21h - dia 20, a partir das 18h

Ingresso: R$ 80 - R$ 40 (promocional)


22º Porto Alegre em cena - Pontos de Venda:

Internet: www.ingressorapido.com.br

Call center: 4003-1212 (segunda a sexta das 9h às 22h; domingos e feriados das 12h às 18h)

Usina do Gasômetro - avenida João Goulart, 551, térreo.

Dicas da Jorgete Rain

Nenhum comentário:

Postar um comentário