quinta-feira, 26 de maio de 2011

A Arte de se cuidar - Por Alessandra Abero

Você sabia que temperos, temperaturas, sabores e temperamentos possuem estreita relação?

Pois é, foi esse o assunto que a Dra. Alessandra Abero conversou conosco na quarta-feira. Muito legal e diferente a abordagem dela sobre o assunto: A Arte de se cuidar.
Como essa foi a primeira vez que ouvi falar do assunto de forma tão interessante compartilho com vocês algumas coisas. 

Segundo Alessandra, há sete tipos de Marias e Joãos:

· Maria doce: muita doçura a deixa vulnerável às agressões externas. Fica hipersensível. bom comer alimentos picantes e ácidos. Usar: alho porró, alho, cebolinha, canela, gengibre, laranja, limão, tomate, coalhada.

· Maria amarga: seria mais feliz se mais doce. o doce que vem dos amidos sem excesso é revitalizante enquanto o excesso sobrecarrega o pâncreas, gera preguiça, diminuição da atenção, queda de cabelo, diminuição da libido, varizes e flacidez muscular. Usar: mel, frutas, raízes, leguminosas e cereais.

· Maria quente: agitada e de pavio curto. Tem que consumir alimentos que diminuam o fogo. Para ela é indicado alimentos refrescantes e de sabor amargo. O sabor amargo acalma o sabor amargo acalma o fogo dos sentimentos como paixões, ciúmes e frustrações. Usar: alface, chicória, espinafre, acelga, repolho, melancia, melão, caqui, hortelã, pepino, rúcula.

· Maria fria: precisa ser mais picante e quente. Comidas amornantes, sopas com temperos picantes, peixes condimentados.

· Maria picante: quando muito picante pode se tornar irreverente ou inconveniente. Raízes de sabor doce, beterraba, cenoura e todo tipo de batatas ajudam a equilibrar.

· Maria sem sal: será mais brilhante se for mais temperada: usar temperos picantes em geral.

· Maria azeda: deve cuidar do seu fígado. É mal humorada, não vive bem e ainda atrapalha a vida dos outros. Deve consumir alimentos vegetais de sabor doce com uma pitada de ácido. Evitar enlatados.
(onde lemos Maria, podemos colocar o João).

Devemos trabalhar muito a respiração, não só em momentos de estafa e suspiros.

Bom humor também é fundamental para qualidade de vida:
  • É o segredo da vida, a chave para a boa saúde. 
  • Favorece a longevidade. 
  • Sorrir rejuvenesce, relaxa e abre caminhos. 
  • Com bom humor a força vital é mais ativa, a energia flui livremente e a expressão da vida se faz mais plena. 
Água! Estamos “carecas” de saber, mas é essencial também:
  • É o alimento fundamental;
  • É nutritiva; 
  • Veiculo de sais minerais; 
  • Quem bebe pouca água envelhece cedo; 
  • O dia deve começar e terminar com um copo de água; 
  • Usada por fora descarrega os excessos de energia. 
Dicas de alguns chás que auxiliam o bem estar:


  • Energizantes: cravo, canela, ginseng, catuaba.
  • Relaxantes: camomila, maçã, erva-doce, erva cidreira, melissa, laranjeira.
  • Digestivos: banchá, erva-doce, chá verde, carqueja, cidreira. 
  • Gases: orégano, erva-doce, cidreira, camomila, hortelã. 
  • Insônia: jasmim, laranjeira, maracujá, camomila.
  • Diuréticos: chapéu de couro, cavalinha, cabelo de milho, casca de abacaxi.
  • Hepáticos: boldo, picão, alcachofra.
  • Laxativos: cáscara sagrada, sene, alcachofra 
  • Diarréia: goiabeira, figo, água de arroz.
  • Gastrite: espinheira santa, hortelã e camomila 


Conselhos úteis:

  • Iniciar o dia tomando água e tomando um banho. 
  • Fazer exercícios físicos todos os dias. Faça algo que lhe dê prazer. 
  • Acordar e dormir cedo. 
  • Procurar espaços abertos. 
  • Tomar sol. 
  • Fazer as refeições em horários regulares. 
  • Não comer quando está sem fome, com dores, cansado ou irritado. 
  • Comer em local tranqüilo e alegre. 
  • Usar alimentos orgânicos e integrais. 
  • Cultivar sentimentos nobres como generosidade e solidariedade. 
  • Expandir horizontes, ser maleável a diversos gostos e não se preocupar em ter opinião concluída. A fidelidade é para si mesmo. 
  • Trabalhar no que gosta. 
  • Ter e fazer amigos. 

E finalmente:

  • Não levar nada para o lado pessoal. 
  • Não tirar conclusões 
  • Ser impecável com a palavra 
  • E fazer tudo da melhor maneira possível.

Lembramos que o conteúdo aqui informado não substitui a orientação do seu médico. 

Bem legal não é?! A palestra foi sensacional, a conversa foi melhor ainda. Agradecemos a Dra. Alessandra pelo ótimo conteúdo apresentado. Quem quiser mais informações sobre o assunto pode entrar em contato com ela pelos telefones (51) 3221-5789 ou 3228-8475.



Agradecemos às gurias que estiveram presentes que foram contempladas com a Oficina de Pastas e Patês com a Dra. Alessandra. A presença de vocês fez o sucesso do evento. Muito Obrigada! Um abraço a todas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário